Como ir


VISTOS E OUTROS PROCEDIMENTOS

Visitantes portugueses devem requerer o visto na Secção Consular da Embaixada da República Popular da China, na Rua de São Caetano Nº2, Lapa em Lisboa. Visto de uma entrada custa 35€; visto de duas entradas custa 53€.

Mais informações em Embaixada da República Popular da China em Portugal

CUIDADOS DE SAÚDE E SEGURANÇA

A China não requer qualquer vacina para conceder a entrada turística no país excepto a da febre amarela se chegar vindo de um país com risco de transmissão da doença. Deve precaver-se contra malária especialmente se visitar as províncias de Yunnan, a ilha de Hainàn e, apesar de o risco ser substancialmente mais baixo, as de Anhui, Ghuizhou, Henen, Hubei e Jiangsu.

Tenha em atenção a habituação à altitude caso pretenda visitar as terras altas (acima de 3.500m) principalmente do Tibete, Sichuan e Yunnan. 

Para mais informações sobre saúde em viagem, consulte o Portal da Saúde do Ministério da Saúde e Clínica de Medicina Tropical e do Viajante. Em FitForTravel encontra conselhos de saúde e prevenção de doenças específicas de cada país (em língua inglesa).

Verifique a situação político-social previamente se pretende viajar pela província de autónoma Xinjiang. Evite fazê-lo caso subsistam focos de instabilidade.

VIAGEM PARA A CHINA

A TAP (tel.: 707 205 700) voa para Pequim, com apenas uma escala em Munique ou Frankfurt – voos de Munique para Pequim e Pequim para Munique operados pela Air China – por cerca de 800€.

PT EN ES FR DE IT