Colômbia


Santa Marta e PN Tayrona, Colômbia

O Paraíso de que Partiu Simón Bolívar

Às portas do PN Tayrona, Santa Marta é a cidade hispânica habitada em contínuo mais antiga da Colômbia.  Nela, Simón Bolívar, começou a tornar-se a única figura do continente quase tão reverenciada como Jesus Cristo e a Virgem Maria.  

Cartagena de Índias, Colômbia

Cidade Apetecida

Muitos tesouros passaram por Cartagena antes da entrega à Coroa espanhola - mais que os piratas que os tentaram saquear. Hoje, as muralhas protegem uma cidade majestosa sempre pronta a "rumbear".

PN Tayrona, Colômbia

Quem Protege os Guardiães do Mundo?

Os indígenas da Serra Nevada de Santa Marta acreditam que têm por missão salvar o Cosmos dos “Irmãos mais Novos”, que somos nós. Mas a verdadeira questão parece ser: "Quem os protege a eles?"

Hotel à moda Tayrona

Santa Marta e PN Tayrona, Colômbia

O Paraíso de que Partiu Simón Bolívar

Às portas do PN Tayrona, Santa Marta é a cidade hispânica habitada em contínuo mais antiga da Colômbia.  Nela, Simón Bolívar, começou a tornar-se a única figura do continente quase tão reverenciada como Jesus Cristo e a Virgem Maria.  

Nacionalismo Colorido

Cartagena de Índias, Colômbia

Cidade Apetecida

Muitos tesouros passaram por Cartagena antes da entrega à Coroa espanhola - mais que os piratas que os tentaram saquear. Hoje, as muralhas protegem uma cidade majestosa sempre pronta a "rumbear".

À sombra da árvore

PN Tayrona, Colômbia

Quem Protege os Guardiães do Mundo?

Os indígenas da Serra Nevada de Santa Marta acreditam que têm por missão salvar o Cosmos dos “Irmãos mais Novos”, que somos nós. Mas a verdadeira questão parece ser: "Quem os protege a eles?"

Mapa


Como ir


VISTOS E OUTROS PROCEDIMENTOS

O viajante português, como o brasileiro, necessitam apenas de um passaporte válido para mais 6 meses. À chegada, terá o passaporte carimbado e recebe a autorização de visita para um periodo de 90 dias.

CUIDADOS DE SAÚDE E SEGURANÇA

Só é exigida vacina contra a febre amarela se vier de um país com risco de contágio, isto apesar de ser aconselhável se visitar zonas de selva da Colômbia. O risco de transmissão de malária perdura em várias regiões, principalmente em Amazonia, Orinoquia, Pacifico e Uraba-Bajo Cauca.

Para mais informações sobre saúde em viagem, consulte o Portal da Saúde do Ministério da Saúde e Clínica de Medicina Tropical e do Viajante. Em FitForTravel encontra conselhos de saúde e prevenção de doenças específicas de cada país (em língua inglesa).

No que diz respeito à segurança, o Ministério dos Negócios Estrangeiros mantém online as seguintes informações:

Ministério dos Negócios Estrangeiros – República da Colômbia

VIAGEM PARA A COLÔMBIA

A TAP (tel.: 707 205 700) inaugurou recentemente a rota Lisboa – Bogotá com voos a partir de 800€. Reserve com antecedência ou em períodos promocionais se quer obter preços deste tipo.

A não perder


  • Cartagena de Índias
  • Parque Nacional Tayrona e Ciudad Perdida
  • Santa Marta e Tagan
  • San Agustín
  • Popayan e Tierra Adentro
  • Bogotá
  • Providencia & San Andrés
  • ​Rota do Café
  • Monte Negro – café de Colombia

Explorar


VOOS INTERNOS

A Colômbia usufrui de uma rede de voos internos densa e bem desenvolvida assente na operação de distintas companhias aéreas: Avianca; Satena; EasyFly; Viva Colômbia

AUTOCARRO

Tal como os voos domésticos, a rede de autocarros é extensa e funcional. Existem três classes distintas de autocarros na Colômbia, os normais, os de 1a Classe e aqueles com ar condicionado. Escusado será dizer que, se o conforto é uma das suas prioridades, deve evitar os mais básicos . Saiba, no entanto, que à imagem do que se passa um pouco por toda a América do Sul, os condutores dos autocarros com ar condicionado têm o hábito de o ligar no máximo o que arrefece em excesso as cabines. Nestas viagens, tenha consigo roupa para o frio.

Existem ainda os colectivos, espécie de mistura entre autocarro e jipes que partem quando lotados de passageiros e cobrem percursos intermédios.

Por norma, as viagens de autocarro são baratas, na Colômbia, numa ordem dos 2€ a 3€ por cada hora de percurso, mais 20% para autopullmans e 40% para autopullmans com ar condicionado.

ALUGUER DE VIATURA

São escassos os visitantes que optam por explorar a montanhosa, em grande parte selvagem e ainda significativamente insegura Colômbia de carro. Ainda assim, poderá alugar um carro na internet, balcões de aeroportos ou balcões das principais cidades – Bogotá, Cali, Cartagena – e usá-lo para explorar os pontos de interesse nas imediações.

Não aconselhamos que viaje de carro entre as cidades indicadas. Para ter uma ideia, o percurso de menos de 700km entre Bogotá e Cartagena de Indias pode facilmente durar 20h.  

Quando ir


Apesar de a Colômbia ter distintos padrões climatéricos: costa caribenha, a do Pacífico, selva Amazónica, montanhas andinas e outros, de uma forma geral, as melhores alturas para visitar o país são Dezembro a Março e Julho a Agosto períodos que coincidem com as épocas secas de quase todo o território. As férias dos colombianos vão do fim de Dezembro a meio de Janeiro. Nesta altura do ano, as estradas, os transportes e o alojamento estão normalmente lotados.

Dinheiro e Custos


A moeda da Colômbia é o Peso Colombiano (COP).  O país está dotado de uma rede vasta de ATM e os pagamentos com cartão de crédito popularizaram-se. Prepare-se entre um mínimo de 30€ a 35€ por dia – se viajar num modo mochileiro realmente poupado e 70€ a 100€ a com estadias em hotéis de 3 a 4 estrelas com refeições não corrientes durante o dia. Substancialmente mais se optar por estadias em resorts.

ALOJAMENTO 

Há um pouco de tudo na Colômbia, com uma oferta quase inesgotável, das residenciais mais baratas que cobram 4€ a 10€ por um quarto duplo básico, aos hotéis e resorts mais sofisticados do governo ou privados em que uma noite pode custar 300€ ou 400€.

ALIMENTAÇÃO 

Consumir comida corriente (pratos já prontos a sair nos restaurantes mais simples) é a forma menos dispendiosa de se alimentar na Colômbia, mas sem a riqueza gastronómica que o país tem para oferecer, já que, entre 1€ e 3€, os pratos servidos não costumam variar por aí além. Outro tipo de refeições tradicionais/regionais em restaurantes normais custam aproximadamente 4€ a 6€, bebida incluída. Estes preços têm pouco que ver com os dos restaurantes requintados de Bogotá, Cali ou Cartagena – especialmente os dos resorts em redor – em que uma refeição completa pode custar 80€ ou 90€.

INTERNET 

Só as residenciais mais baratas poderão não ter Wi-fi incluído no preço dos quartos. De resto, vai tê-lo incluído nas diárias de hotéis e resorts. Caso contrário, também não será difícil encontrar cibercafés nas grandes cidades e até povoações mais pequenas. O acesso vai custar entre 0,80€ e 2€ por hora.